Como proteger seus móveis na hora da mudança

Como proteger seus móveis na hora da mudança

Por mais que gerem muita animação, as mudanças também podem causar estresse e preocupações para quem está trocando de casa ou apartamento. Isso porque, são muitas coisas para tomar conta e pensar, como transporte, se o novo espaço comporta todos os móveis, se os móveis vão chegar intactos, etc. Todas essas questões deixam o processo mais complicado, mas com calma, organização e planejamento é possível realizar uma mudança tranquila e sem dores de cabeça.

Uma das principais atividades é a embalagem dos móveis que, além de tomar grande parte do tempo, não pode ser feita de qualquer jeito para não danificar durante o transporte e descarregamento. Por isso, hoje vamos explicar como proteger seus móveis da melhor maneira.

Escolha as embalagens certas

Utilizar qualquer tipo de material para embalar seus pertencer pode ser um grande problema, afinal, sem a proteção adequada é muito provável que eles sofram danos como riscos, arranhões e até mesmo quebras irreparáveis.

Antes mesmo de comprar as embalagens, é preciso avaliar que cada item transportado é feito de um material específico, como madeira, vidro, porcelana, plástico, etc, podendo ser mais resistente ou não, assim como maiores ou menores. Sendo assim, cada objeto ou móvel precisa de um tipo de material de embalagem específico, dependendo do grau de cuidado necessário.

Existem diversos materiais para embalar tudo o que você precisa, como plástico bolha, papel ondulado, filme stretch, isopor, caixas de papelão e o papel kraft. Uma dica fundamental é utilizar os materiais para embalar os objetos e aplicar o filme stretch para reforçar a proteção e unir alguns itens. Se ficou confuso, não se preocupe, pois logo você vai entender como fazer isso!

Espelhos e prateleiras de vidro

Começando com o mais difícil, espelhos e prateleiras exigem um cuidado especial, pois são muito frágeis. Para protegê-los passe uma fita adesiva por toda a peça, com camadas na horizontal e vertical para formar um reforço e evitar quebras ou trincos por conta do impacto ou pressão. Em seguida, enrole o plástico bolha no espelho com várias camadas, lacrando com uma fita adesiva. Envolva-o com o papel ondulado e para finalizar enrole o filme stretch. Se possuir mais de uma prateleira ou espelho, depois de envolvê-los com o papel ondulado, coloque um sobre o outro e enrole o filme stretch. Assim você os mantém unidos e elimina a possibilidade de se soltarem durante o transporte.

Móveis

Já os móveis, mesmo sendo maiores e mais trabalhosos, sua proteção é um pouco mais simples. Você pode utilizar duas camadas de papel ondulado para revestir toda a peça, lacrar com a fita adesiva e por fim passar o filme stretch. Aqui, não é recomendado as peças, apenas se forem prateleiras menores, pois caso contrário elas se tornam mais pesadas e descarregar se torna uma tarefa difícil que prejudica todo o processo. Uma dica bacana, caso queira, é colocar um pouco de plástico bolha nas pontas para evitar que elas se lasquem por algum motivo.

Objetos frágeis

Objetos mais trabalhados como peças de porcelana ou vidro também precisam ser reforçados, pois diferente de prateleiras de vidro, eles são ainda mais delicados, como pratos, xícaras, artigos de decoração, etc. Você deve enrolar os objetos em várias camadas de plástico bolha para evitar alguma quebra com batidas. Com itens menores, é preciso enrolar um a um com plástico bolha e depois enrolar todas elas com o filme stretch, pois ele evita que eles se movimentem durante o transporte. Em seguida, coloque essas peças em uma caixa de papelão e preencha os espaços vazios com jornal.

Almofadas decorativas

Por mais que você imagine que seja fácil transportar almofadas, é bem importante dedicar atenção especial à elas, pois é muito corriqueiro que as pessoas usem caixas pequenas para acomodar as almofadas decorativas ao transporta-las. O transporte de almofadas deve ser feito com seu devido cuidado para não danificar o enchimento, dê preferência em usar caixas grandes para o transporte.

Itens menores

Objetos pequenos, mas que sejam resistentes, são mais simples de serem protegidos, como livros, itens de madeira, etc. Para isso, basta organizar todos eles em caixas de papelão resistentes e bem lacradas, e se quiser pode também preencher algum espaço com jornal. Uma boa ideia é unir as caixas menores e mais leves com filme stretch, pois como serão inutilizadas o transporte fica mais simples, evitando várias viagens e que alguma caixa se perca no meio do caminho.

Eletrodomésticos e eletroeletrônicos

Já os eletrodomésticos e eletroeletrônicos, como micro-ondas, fogão, geladeira, televisão, notebook, etc ainda que não pareça, são muito frágeis e qualquer batida pode danificar alguma peça e prejudicar seu uso. Para eles, utilize chapas de isopor para cobrir todo o produto deixando do mesmo tamanho e colando essas placas com fita adesiva. Em seguida, utilize o papel ondulado e finalize com o filme stretch. Além de reforçar a proteção física, esse material é resistente às variações de temperatura protegendo contra o calor excessivo do caminhão ou do frio.

Com essas dicas tenho certeza que seus móveis estarão protegidos durante todo o processo. Lembre-se sempre de utilizar as embalagens certas para reforçar ainda mais os seus cuidados, assim você fica tranquilo e pode focar seus esforços nas outras partes da mudança. Para mais dicas como essa, acesse nosso blog.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *